até agora...

sábado, 30 de janeiro de 2010

Pererecas, aterro e chupeta.

Olá queridas, pois é, esse post tá bem misturadinho.
Essa foto é histórica, gente. Olha o bichinho horreeenndo q estava soberbamente na janela do meu quarto, (não reparem na ferrugem, essa já está condenada, tá na mira!).

Penso que seja uma razinha ou pererequinha, sei lá.
Passei a noite sonhando com esse bicho, gelado e gosmento, olhando pra mim, (note a imponência!), mas o que foi realmente digno de registro, foi ver marido, com uma sacola plástica nas mãos, só de cuequinha, correndo atrás dela pelos cantos do quarto, ele não deixou eu mostrar essas imagens, com ameaças homicidas!!!
Mudando de assunto. As notícias do castelo estão na velocidade de uma limitada conta bancária(nem preciso explicar, né), ontem chegou mais aterro.
Aqui já tinhamos espalhado...
...um pouco.
Agora sei como se sente um tatu!
Olhem meus vasos pintadinhos!
Tô amando, claro que tenho que usar a magia da imaginação (espero q vocês também usem, senão vão me chamar de louca, rsrs), mas tô amando mesmo!

Mudinhas de begônias para o jardim encantado.Presente do marido ameaçador e caçador de pererecas.

Elas já no vasinho!

E agora notícias do bebê canino mais lindo do mundo!
A Meg está crescendo rápido gente, só quer folia, não quer perder nada, se vir um movimento na casa já chora pra sair do cantinho (improvisei uma jaula), pra vir brincar e morder os pés da gente, uma festa na casa.
Como é bom ter mais essa magia na minha vida! Cuidar de um serzinho assim, ganhar carinho SEMPRE, rir muito das artes dela, é tudo de bom!
Sou contra impor aos animais hábitos humanos, mas como o único jeito que encontrei de alimentá-la foi uma mamadeira, resolvemos dar também uma chupeta (aqui no sul falamos Bico), e não é que deu certo?
Ela parece um bebê com o bico na boca, linda!
Tô tentando tirar uma foto, assim que conseguir eu mostro, tá? Por enquanto só posso mostrá-la assim:
Então é isso! Espero notícias de vocês também.
Beijos mágicos

3 comentários:

  1. Olá jana :O0

    eu criei um sapinho em meu jardim por um ano ou mais, depois ele "se mudou".

    Estava quase sempre dentro de um vaso e eu ia lá pra ver se ele estava bem, cuidava para os gatos não o incomodassem, mudava o vaso de lugar pra ele não pegar muito sol, era um barato.

    Ele já estava maior que a minha mão aberta, qdo meu pai, já falecido, o levou para a nossa chácara, bem mais espaçosa... Eu o coloquei numa caixinha de sapato e foi bem doloroso...

    foi uma tristeza só, pq o danadinho já me conhecia e até deixava eu passar a mão nele, não ligava que eu chegasse perto...hehehe.

    Depois que ele foi embora a população de pernilongos em casa criou proporções inimagináveis, virou infestação!!!

    São realmente bem geladinhos e o sapinho tem a casca bem grossa, como se fosse calejado.

    No começo eu tinha muito nojo dele, mas me afeiçoei em mais de um ano vendo ele crescer...

    A Meg deve estar lindinha e vc assumiu mesmo o posto de mãezona heim?? Que lindo o que faz por ela (e ela por vc, mesmo sem saber)

    Vc terá uma vida muito feliz com sua bebê!

    Beijoooo

    ResponderExcluir
  2. Olá Jana,

    Tenho muito medo de pererecas...

    A frente da sua casa está parecendo casinha de boneca.

    Menina que au au lindinho que você adotou! ai que coisinha gostosa.

    Se ela chorar a noite, coloque um depertador (daqueles bem baratinho) enrolado em um pano na caminha dela. O tic tac acalma e eles se sentem protegidos como quando estavam com sua mãe.
    O Fluke adorava e dormia que nem bebê.
    Quem me orientou foi o veterinário dele.
    Não entendi o lance da chupeta...
    Beijos...

    ResponderExcluir
  3. Oi Jana!! Vim retribuir a visitinha, ainda não consegui ler todos os posts, mas o farei!!
    Adorei o teu novo baby, amooo cachorrinhos lindos e fofos!!
    Bjus, Lu

    ResponderExcluir

Oi, estou louquinha pra ler seu comentário!

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin